Este não é um site oficial d'A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias
Participem enviando notícias pelo e-mail murilovisck@yahoo.com.br

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Missionários são Designados para a Turquia

Quatro missionários que estavam servindo na Missão Bulgária Sofia foram transferidos a Istambul, Turquia, em meados de fevereiro e recomeçaram a obra missionária ativa na Turquia, segundo o blog ldschurchgrowth. Esta evolução parece ter ocorrido depois da Igreja receber o reconhecimento do governo no ano passado, pelo esforços humanitários. Toda a atividade missionária será controlada, ocorrendo somente por meio de referências de membros. Relatórios indicam que os missionários vão aprender a língua turca, freqüentando aulas de turco. A região da Turquia anteriormente não pertencia a nenhuma missão da Igreja, mas foi designado para a Missão Sofia da Bulgária no ano passado. A Igreja tem operado quatro ramos na Turquia por duas décadas e existem casais missionários trabalhando em ajuda humanitária na região. Não se sabe se os missionários terão permissão para ensinar os muçulmanos ou serão restritos a trabalhar somente com pessoas que seguem outras crenças religiosas. 

Mais sobre a Igreja na Turquia

Localizada no sudeste da Europa e sudoeste da Ásia, a Turquia foi criada em 1923 depois que o Império Otomano foi dissolvido. A Turquia é uma democracia parlamentar. É 99,8 por cento muçulmana, e o restante são principalmente cristãos e judeus. Os cidadãos turcos gozam de liberdade religiosa, embora existam algumas restrições impostas aos grupos não-muçulmanos.

No início de 1884, Hadop T. Vartooguian, um armênio em Constantinopla enviou uma carta para perguntar sobre a Igreja. Em resposta, Jacob Spori foi enviado para Constantinopla, chegando em 31 de dezembro de 1884. Em 4 de janeiro de 1885, Vartooguian, sua esposa, Philimae, e seus dois filhos, Sisak Vartoo e Armais, foram batizados. Spori compartilhou o evangelho, encontrando mais sucesso entre os não-nativos, incluindo armênios.

A primeira reunião foi realizada na residência de Vartooguian em 18 de Janeiro de 1885. Outros missionários vieram logo em seguida, incluindo Joseph M. Tanner, que ganhou uma audiência com Nunif Pasha, ministro da Instrução Pública. Pasha mostrou um grande interesse na mensagem de Tanner. Os esforços para expandir o trabalho além de Constantinopla, em particular para armênios que viviam no interior, no entanto, foram continuamente rejeitados.

Um dos convertidos do tempo era Mischa Markow, que entrou para a Igreja em Constantinopla, no dia 1º de fevereiro de 1887. Markow se tornou o primeiro a conduzir o trabalho missionário em muitos países da Europa Central.

Jacob Spori
Em maio de 1888, Ferdinand F. Hintze tentou realizar reuniões em turco, mas devido à fraca resposta das reuniões, logo foram interrompidas. Em agosto de 1888, Hintze foi capaz de viajar para o interior e se reunir com vários armênios que haviam solicitado informações sobre a Igreja. Em Sivas, mais de 100 pessoas foram à casa de Dekran Shahabian, onde Hintze permaneceu por alguns dias, para saber mais sobre a Igreja.

O maior sucesso missionário ocorreu em Aintab. Os missionários chegaram em abril de 1889 e logo depois, foi criado um ramo. Em 14 de novembro de 1895, como a agitação entre turcos e armênios, o trabalho missionário foi interrompido. Eles voltaram em 01 de março de 1898. Uma escola foi fundada no outono de 1898 em Aintab para que os alunos SUD pudessem estudar livres de perseguições.

O Livro de Mórmon foi traduzido para o turco em 1906 e enviado a Constantinopla, mas sua entrada no país foi interrompida pela alfândega até 1908. Em 28 de julho de 1909, Wilford Booth, presidente da Missão turca, recebeu a notícia de que, devido à crescente violência na região, a missão deveria ser fechada. Booth e os missionários deixaram a Turquia pouco tempo depois.

Em 7 de novembro de 1921, Wilford Booth chegou em Aleppo, na Síria, para restabelecer a missão. Naquela época, o conflito sobre a área de Aintab fez com que Booth buscasse a evacuação dos membros da Igreja e alguns investigadores que ainda residiam em Aintab. Booth negociou com os militares franceses por nove vagões de trem para evacuar os membros de Aintab. Após a sua chegada em 16 de Setembro de 1921 em Aleppo, Síria, os refugiados foram rebatizados porque os registros de seus membros tinham sido perdidos durante os anos de guerras e revoluções.

A evacuação deste grupo marcou o fim do trabalho missionário na Turquia.

Na década de 1950, como aumento da presença militar dos EUA na Turquia, militares Santos dos Últimos Dias começaram a realizar reuniões em grupos em cidades de todo o país, incluindo Istambul, Adna, Izmir, e Ankra. Esses ramos foram organizados e, em seguida, fechados com a redução da presença militar dos EUA no final da Guerra Fria. Algumas unidades pequenas ainda funcionam em locais dispersos. Nos séculos 20 e 21 não houve esforço concentrado para realizar o trabalho missionário entre turcos nativos.

Haviam 151 membros em 2003.

Em 1991, a Igreja enviou cerca de 13.000 cobertores, 80.000 quilos de roupas e fundos de suprimentos médicos para ajudar os refugiados curdos na Turquia.

www.ldschurchnews.com/articles/58669/Country-information-Turkey.html
newsroom.lds.org/country/turkey

Um comentário:

  1. Excelente notícia! Obrigada por compratilhá-la Muriloviscki.


    Bianca Beck.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails